domingo, 29 de novembro de 2009

Enquanto houver sol, ainda haverá.


De verdade, eu tenho medo do que está por vir. Eu sei, ainda não acabou, e tento ter fé pra não desanimar, pra acreditar que o que vem por aí vai ser melhor. E é assim, tão pouco pode resolver o nosso destino. Mas, como sempre, ainda há esperança: esperar, confiar...É tão pouco o que desejamos pra nós(isto eu falo diante dos tantos problemas que muitos enfrentam no mundo), mas como pensamos ser nossa única chance, a coisa mais importante, aí só nos damos conta do que nos interessa. Pra ser sincera, neste momento eu não estou pensando muito no que não me interessa e a justificativa que eu me dou é a de que eu preciso disso pra ser útil, pra poder então pensar em todos, em tudo. Tomara que todos esses "projetos" e desejos, que tanto tomam meus pensamentos, não se esvaiam com o tempo, que eu consiga aimentá-los a cada dia até o momento de realizá-los, de serem postos em prática.
Ah,... amanhã o sol nasce de novo! ;)

Nenhum comentário: