quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Meu "eu"


Não sei se eu tenho o meu 'eu lírico', nem sei também se isso existe mesmo. Mas se tantas obras foram "culpa" deste 'eu', ele deve ser aquilo que temos de melhor em nós. E é assim que tudo deve ser feito: com o melhor que podemos fazer. É por isso a grande indecisão do que fazer pro resto da vida, é preciso gostar muito e se dedicar ao que nos prestamos a fazer. É o que eu quero. Passar minha vida realizando meus desejos, e fazendo o melhor, o melhor do que eu posso ser! Talvez aquele "eu lírico" esteja, sim, dentro de mim e seja exatamente o que alimenta meus sonhos, os quais são tão intensos que meu coração arde de vontade de realizá-los. E eu vou realizar todos. ;)

Nenhum comentário: