quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Sobre a felicidade


Será que felicidade é pra todos? Ou é preciso sorte pra ser feliz...? Não dá mesmo pra saber! Como é difícil(para mim, por exemplo)sê-lo. Não sei em que estação a econtrarei, mas sei que não está perto. Isso pode até soar triste, mas é real. É real o que acontece agora. E olhe que eu nem peço tanto. Mas é assim mesmo. Viver é assim. A sensação que eu tenho é que quando ela vier vai ser estonteante, inebriante, acho que quando se completar a minha felicidade, ela vai ser maior do que foi para qualquer um. Sou otimista mesmo quanto a isso. Tenho que ser. Num mundo em que pra tantos falta o amor e a força de Deus, eu tenho que ser muito otimista por respeito à minha fé e à coragem que Ele me dá. Por fim, digo que estarei sempre à espera, com o coração aberto, alegre em recebê-la, feliz, enfim, com a minha vida.

Nenhum comentário: