segunda-feira, 2 de abril de 2012

Que Outono!


Que vivência linda do tempo Quaresmal eu estou vivendo... Aquele deserto me tomou, mas eu consegui levantar, consegui sair de tal escassez, o domingo de Ramos me trouxe de volta a vida, a paz, o Cristo na Eucaristia. Que felicidade recebê-lo novamente! A nova estação está por vir, ela iniciará com a ressurreição da fé de todos que creem nesse Deus de amor. Acho que eu nunca vivi tão verdadeiramente a Semana Santa, ao redor parece que pouco mudou, mas no meu interior muito está mudado, é a alegria de estar pronta para a morte e a ressurreição de Cristo.
"Mas se tua mão me segurar 
    eu correrei até voar 
    subirei apoiado em Ti!"


Outono (tudo Passa)

Comunidade Shalom

Cada passo que eu dou
vejo ao meu redor
folhas que vão ao chão
folhas verdes, folhas secas
folhas vivas, mortas,
mortas vivas não.
Roubadas pelo vento,
provadas pelo tempo,
arrancadas nesta estação.

Folhas que outrora nos traziam brilho,
cor, luz e recordação
qual pessoas secas, folhas secas
tudo seco em meu coração.
Outono chegou,
mil folhas levou,
mas a esperança restou.

Esperança sempre viva
vida sempre nova
a nos fazer crescer
surgem novos galhos velhos
galhos caem,
nova chance de viver.
Cair, levantar
perder, recomeçar...

Mas se tua mão me segurar
eu correrei até voar
subirei apoiado em Ti!

Este vento sopra sempre
cada vez mais forte
nos faz expandir.
Novos horizontes nascem
leste oeste norte e sul
e o que há de vir
roubou-nos o vento,
provou-nos o tempo
fincada no chão
permanece a raiz...

A árvore cresce,
e nunca perece, 
e já se prepara
para a nova estação.




Larissa T.

Nenhum comentário: